Cidades do centro-oeste paulista registram primeiras mortes por Covid em 2024

0
34

Duas cidades do centro-oeste paulista confirmaram, nesta quarta-feira (7), as primeiras mortes por Covid-19 no ano. Ao todo, três óbitos pela doença foram divulgados, sendo eles os dois primeiros de Tupã (SP) em 2024 e o segundo registro em Marília (SP) neste ano.

Marília

Na segunda maior cidade da região, a vítima da doença tinha 95 anos e diagnóstico de doença neurológica crônica. Ele morreu no mesmo dia do início dos sintomas, ainda durante o mês de janeiro. O idoso tinha tomado cinco doses da vacina, sendo a última em abril do ano passado.

primeira morte registrada no município neste ano também foi em janeiro, de uma idosa de 63 anos. Antes dela, a última morte pela doença havia sido confirmada em novembro de 2023.

Somente no início deste ano, Marília confirmou 143 casos de Covid-19, uma média de quatro novos casos por dia. No total, desde o início da pandemia, a cidade já contabilizou 67.595 casos da doença, com 1.186 mortes. Veja o resumo por ano:

  • 2020: 9.044 casos e 145 mortes;
  • 2021: 29.617 casos e 840 mortes;
  • 2022: 25.836 casos e 159 mortes;
  • 2023: 2.955 casos e 40 mortes.

O Ministério da Saúde recomenda a dose de reforço contra as novas variantes da doença para quem tem 60 anos ou mais e imunossuprimidos acima de 12 anos, que tenham se vacinado há mais de seis meses.

Para as pessoas que ainda não realizaram a primeira dose com a bivalente, a orientação é a mesma. Todos acima de 18 anos podem tomar, desde que tenham tomado a última dose, no mínimo, há quatro meses.

A dose de reforço da bivalente continua disponível nas 51 Unidades de Saúde de Marília, que atendem das 7h às 17h, enquanto a unidade do Nova Marília tem horário de atendimento estendido até às 22h.

Tupã

A Secretaria de Saúde de Tupã também confirmou as duas primeiras mortes por Covid-19 na cidade este ano.

As vítimas eram dois idosos com comorbidades. A prefeitura não deu mais detalhes sobre idade, nem sobre a cobertura vacinal dos pacientes.

Ao todo, o município já registrou 148 casos positivos de coronavírus este ano. Cinco deles, foram em uma mesma creche, onde duas crianças e três funcionárias testaram positivo para a doença.

Na ocasião, todos foram isolados e se recuperarem em casa. Apesar dos registros, a escola não foi fechada por causa da vacinação avançada na cidade, segundo a prefeitura, mas medidas de proteção como uso de máscaras, de álcool em gel e reforço na limpeza do ambiente foram retomadas na unidade.

A imunização continua normalmente nas Unidades de Saúde do município e a Secretaria de Saúde informou que realiza ações como vacinação em empresas e espaços públicos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui