Holandês morre após ser cercado e agredido pela ‘gangue da correntinha’ na 25 de Março em SP.

0
450

O caso ocorreu na tarde de 13 de janeiro. O holandês Hessel Hoekstra morreu no último dia 27, duas semanas depois de ficar internado no Hospital Nove de Julho com traumatismo craniano grave. Ele tinha 58 anos. É possível ver no vídeo ele sendo agredido no rosto, depois caindo e batendo a cabeça na rua.

Polícia Civil analisa as imagens para identificar e prender os criminosos, que queriam roubar as correntes dos dois estrangeiros que passeavam pela Ladeira da Constituição. Em princípio, os bandidos fugiram sem levar os pertences das vítimas, que estavam no Brasil para trabalhar temporariamente numa empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui