Ao desrespeitar Nossa Senhora, Bolsonaro inverte princípios cristãos.

0
30

Nenhum presidenciável jamais usou tanto a religião em uma campanha eleitoral quanto Jair Bolsonaro (PL). Desde 2018, Deus tem sido assunto frequente em seus discursos e na atual campanha eleitoral ele repete a todo momento que defende os valores da fé cristã. Frequenta cultos evangélicos com assiduidade, está sempre em companhia dos pastores e bispos neopentecostais de maior destaque, apesar de ter sempre se identificado como católico.

A imagem de religiosidade construída desde que colocou em prática o plano de ocupar a Presidência da República não combina, porém, com o Bolsonaro real. Suas ações e declarações vão na contramão de um seguidor do ramo mais conservador do Cristianismo, como ele quer se mostrar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui