Investimentos da Sedi em IA resultam em melhorias nos serviços para população

0
37

O gerente de Inovação da Secretaria de Desenvolvimento e Inovação (Sedi), Alaor Júnior, vai mostrar como a IA foi usada para simplificar o registro de manifestações na Ouvidoria do Governo de Goiás (Foto: Sedi)

O Governo de Goiás investiu, no último ano, R$ 2,6 milhões para aquisição de dois supercomputadores de Inteligência Artificial (IA), que já estão sendo usados em projetos de relevância para o Estado. Durante a Campus Party Goiás, que acontece entre os dias 15 e 19 de junho, palestrantes do Governo de Goiás vão mostrar como as novas tecnologias estão sendo usadas para desenvolver projetos que beneficiem a população.

O gerente de Inovação da Secretaria de Desenvolvimento e Inovação (Sedi), Alaor Júnior, vai mostrar como a IA foi usada para simplificar o registro de manifestações na Ouvidoria do Governo de Goiás. “Antes o usuário tinha dificuldade de realizar sugestões, elogios, reclamações, denúncias no canal da Ouvidoria porque ele precisava escolher a tipologia e direcionar sua demanda para o órgão corretamente. Agora basta acessar o site do Expresso, digitar as informações da sua demanda e a IA faz todo procedimento de classificação”, explica Alaor. A palestra dele acontece no dia 17, às 15h30, no palco Git.

Além da IA, a Sedi também utiliza a ciência de dados para desenvolver soluções de tecnologia da informação para outras pastas do Governo do Estado. Nesta perspectiva, o gestor de TI Gabriel Lopes apresenta, durante a Campus Party, o projeto Hórus, que usa dados de tráfego de veículos para melhorar a fiscalização das rodovias estaduais e a segurança do cidadão. A palestra dele acontece no dia 16, às 19h30, no palco Git.

Supercomputadores em Goiás

A primeira supermáquina, lança em outubro do ano passado, fica no Centro de Excelência em Inteligência Artificial (Ceia) da Universidade Federal de Goiás (UFG). Ela foi adquirida com recursos da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg) e da Procuradoria Geral do Estado de Goiás (PGE), que desenvolve projetos de inovação com o Ceia.

Em abril deste ano, a Sedi lançou o segundo supercomputador do Estado de Goiás. Este fica na Subsecretaria de Tecnologia da Informação (STI) e está disponível para o desenvolvimento de projetos de inovação de todas as secretarias de Estado. Atualmente a equipe da STI está desenvolvendo projetos em parceria com as polícias Civil e Militar e a Agência Goiana de Regulação (AGR), para melhorar processos de fiscalização e monitoramento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui